Autor: Marcus Rizzo

R$ 40,00

Envio em arquivo PDF via e-mail

09 páginas




Por Quê Investir Numa Franquia?
Perfil de quem deseja comprar uma franquia mostra que 56,34% dos interessados desejam receber orientação técnica do franqueador. Quem compra uma franquia deseja um negócio pronto, testado e de sucesso comprovado.

A Experiência do Franqueador
50,3% dos interessados numa franquia buscam a experiência do franqueador, pois quem compra uma franquia está decididamente comprando a experiência de quem já fez, o conhecimento do franqueador.

Antes de tudo um franqueador tem o dever de ter competência, provendo conhecimento e suporte para os franqueados até que consigam o sucesso.
Somente com a operação de várias unidades próprias é que um franqueador consegue efetivamente desenvolver experiência e competência.

Suporte Pré-Operação da Franquia
A etapa pré-operacional pode ser considerada uma das mais importantes pois a experiência do franqueador pode viabilizar ou inviabilizar o negócio. Aliás é nesta fase que o volume de serviços prestados justifica a taxa de franquia que em muitas ocasiões é apenas justificada pelo “uso da marca”.

São considerados serviços fundamentais nesta fase:

1. SELEÇÃO DO PONTO COMERCIAL:
A escolha do ponto para localizar o negócio pode ser considerada crítica para o sucesso do negócio.
2. ARQUITETURA E INSTALAÇÕES:
Franqueadores querem que cada unidade tenha as características de projeto de arquitetura que identifi-quem cada parte do sistema de franquia.
3. EQUIPAMENTOS:
O franqueador é único qualificado para prover a orientação necessária para selecionar e determinar quais os equipamentos que serão utilizados pelo negócio.
4. ESTOQUES E SUPRIMENTOS:
Com base na experiência de erros e acertos, o franqueador é qualificado para determinar e propor tipos e níveis de estoques e suprimentos que necessitam estar a mão para a operação do negócio.
5. TREINAMENTO:
Deve prover e ensinar tudo que seja necessário para que o franqueado possa efetivamente operar o negócio e ser oferecido no centro de treinamento preferencialmente na sede da empresa franqueadora.
6. ASSISTÊNCIA PRÉ-OPERACIONAL:

  • Assistência na Pré-Inauguração (Pre-Opening): Período utilizado para treinar funcionários do franqueado.
  • Assistência na Inauguração (Grand-Opening): Uma franquia necessita passar uma primeira boa impressão e antes de tudo a primeira impressão é a mais duradoura de todas.

Suporte de Serviços Continuados
A partir da inauguração os serviços continuados serão suportados pelos royalti-es e podem ser considerados como muito importantes, especialmente nos dois primeiros anos considerados cruciais pela inexperiência do franqueado. Neste caso a experiência do franqueador é repassada através do acompanhamento da consultoria de campo são considerados fundamentais nesta fase:

1. ASSISTÊNCIA OPERACIONAL CONTINUADA:
Assistência opera-cional continuada com ajuda na resolução de problemas como controle de qualidade, assuntos de pessoal, relações com consumidores, uso e manutenção de equipamentos, etc.
2. USO DA MARCA:
Por menor que seja o sistema e o método de operação o franqueado estará identificado com a marca e seu uso.
3. MANUAL DE OPERAÇÕES:
É imperativo: se conhece o negócio, coloque no papel e forneça aos seus franqueados manuais detalhados de todo o funcionamento.
4. PROPAGANDA COOPERADA NACIONAL E REGIONAL:
Para os esforços de propaganda local e regional o franqueador deve prover a rede com materiais para a veiculação de comerciais em rádio, tv, revistas e jornais, como também folhetos e brochuras.
5. DESENVOLVIMENTO DE PESQUISA:
Espera-se que o franqueador não apenas melhore os produtos existentes, serviços e sistemas, mas também desenvolva novos produtos, serviços e sistemas.